Tableless

Busca Menu

BrazilJS 2014

Seja o primeiro a comentar por

Foi minha primeira vez. E sim, foi muito bom.

Eu já assisti eventos de fora e de dentro do Brasil e de fato, o BrazilJS tem nível internacional. Não apenas por causa dos palestrantes, onde mais da metade eram gringos, mas também por conta da organização e de toda a movimentação que o evento leva para a cidade. Já no avião, em SP, indo para Porto Alegre, tinha devs sentados ao meu lado, de Belo Horizonte, indo para o evento.

Mas o que me deixa mais empolgado com o BrazilJS é que o evento acontece totalmente fora do eixo Rio / São Paulo. É um evento gigante, o maior do Brasil, quiça da América Latina, sobre JavaScript e não acontece nas capitais mais badaladas do país. Não que Porto Alegre seja pequena, pelo contrário, mas o problema é que a grande maioria dos eventos sobre desenvolvimento web acontecem no Rio e em SP.

Estou bastante orgulhoso da comunidade, principalmente do Jaydson e do Felipe, que são os idealizadores do BrazilJS, por proporcionarem uma experiência tão bacana para comunidade brasileira de desenvolvimento web.

Anotações das Palestras

Como já disse, todas as palestras são de nível internacional. Todos os palestrantes brasileiros que falaram tem cases interessantíssimos que foram aplicados em suas empresas e quase todos eles trabalham em grandes empresas fora do Brasil, por isso a importância de sugar tudo o que eles sabem e também como tudo funciona em empresas de grande porte. Eu anotei algumas palestras e fiz a cobertura do evento via twitter sob a hash #braziljs, não foram todas e algumas das anotações estão totalmente incompletas. Mas prefiro publicar algo incompleto do que não publicar nada. Desculpem-me os erros… Não revisei nenhuma das anotações.

Os links de todas as palestras estão no Gist que o Daniel Filho criou.

Se você quiser ver uma análise mais inteligente das palestras, sugiro que leia os dois posts do Jean Carlo: Primeiro dia e Segundo dia

Publicado no dia