Tableless

Busca Menu

Sobrevivendo na selva da Internet

Seja o primeiro a comentar por

Muitas pessoas sonham em criar sites que terão milhares de acessos diarios. Sites que serão compartilhados por outras pessoas e que em pouco tempo se tornarão referencia. Apelam para designers inovadores, endereços um pouco estranhos e até mesmo para divulgação em serviços sociais, tudo isso para sair do anonimato.

Meses depois vem a pergunta cruel – O que está dando errado?  E completa dizendo “Meu site é bonito, leve e fácil de usar, mas tenho poucos senão nenhum acesso diário.

Como é comum essa indagação!! Por dia sites nascem e morrem devido erros simples que condenam a visibilidade dele na web.
Quando alguém pensa em abrir um comércio seja ele fisico ou eletrônico, logo querem websites glamurosos com cores, milhares de animações em flash, efeitos de cliques, formulários flutuantes, cantos arredondados e tudo mais. Chegam a ficar horas escolhendo também o dominio na web e se deparam com outro problema – Porque todo o nome que busco já está registrado? – acabam então por criar sites com nomes compostos, com apelidos de usuarios, nomes gigantescos, girias em ingles, palavras pouco sugestivas. Para ser sincero, eu já fiz isso também. Criei websites cujo meu desejo era o sucesso, porém com nomes que me levavam ao fracasso. Como pode ser bom um site de vendas de esculturas com o nome de arteempregosdsl.com.br? Sim, usei este endereço, o que aconteceu? Fracasso de acessos. Como poderei classificar um site com este nome no Google e esperar meu link aparecer no topo de buscas?

Nomes longos de sites servem apenas para promoções relâmpagos, e não para ser o site principal. Galera, seu site é acessado inicialmente pelo nome que possuí, pois quem está acessando não tem ideia do que tem dentro da pagina. Por isso cuidem do nome em primeiro lugar, nomes curtos e objetivos, sem composição ou seja não unir seu nome com sobrenome do sócio para criar um endereço.

Uma outra coisa interessante e que estressa muito os usuarios: pensar que todos possuem banda larga de 10Mb em casa e com decide colocar  logo de inicio uma animação em flash com um vídeo incorporado que obriga o usuario a ver para posteriormente fazer um redirect pro site principal. Isto é frustante. Quer colocar um video? Sem problemas, desde que não seja pré-requisito assisti-lo para entrar em sua pagina.

E as cores? Possuem importância? Sim e ainda fundamental, nada de pensar que tal cor fica bonito com outra, tenha certeza nas cores que irá utilizar, e como fazer isso? Simples, use ferramentas já existentes no mercado que são gratuitas como por exemplo kuler.adobe.com, com ele você poderá escolher a cor base de seu site e receber em troca todas as cores compativeis com a base escolhida. Com isso morreu o problema de existir Rosa com vermelho num site, verde com amarelo ou preto com azul.

Outra coisa, como anda seu formulário de registro? Imenso? Desejando saber a árvore genealógica de seu usuário? Espero que não, pois abordagens assim apenas para instituições financeiras, se no seu caso for apenas assinatura de newsletter use apenas e-mail. Se for para login de acesso qual o motivo de saber endereço residencial do usuário, endereços secundários, telefones de todos os tipos ? Apenas desperdicio de tempo.

OK. Meu site está leve e bonito e agora? Agora vem o marketing nível 1. Como você faria hoje para divulgar seu website? Avisaria os amigos para colocarem likes no facebook? Colocaria o endereço no seu cartão de visitas? É exatamente assim que seu site morrerá em alguns meses. Este tipo de publico não são fixos mas apenas sazonais, ou seja, vem e vão. Por favor, adote medidas mais dinamicas, utilize de SEO(Search Engine Optimization) nas suas páginas, coloque palavras chaves de identificação simples e não compostas. Nenhum usuário chega no google e digita “Quero um Iphone de 16Gb novo e barato”, eles são diretos ou seja “Iphone 16Gb”, “Iphone novo”, “promoção Iphone” coisas simples que você como cliente pesquisaria devem ser usados como palavras-chave.

Depois dessas ações você olha seu Google Analytics –  se você ainda não incorporou em site faça-o imediatamente – e percebe que possuí 200 acessos por dia, o que fazer? Chegou a hora do marketing nível 2 por grupos de interesse, ou seja, formar “panelinhas” de usuários em seu site. Descontos promocionais de curta duração, códigos promocionais, email marketing com os usuarios cadastrados( para isso existe o site mailchimp.com, que é ótimo para este serviço e gratuito), brindes de compras, sugestões de serviços tudo voltado para o publico de acesso. Mas, não fique preso a isso, em paralelo, divulgue seu site em outros sites, chame pessoas que desconhecem seus serviços, fidelize-os pela simplicidade.

Caso você possa e queira pagar, utilize o serviço ad-words do Google para patrocinar seu link e colocá-lo em destaque nas pesquisas, isso não será o principal motivo de sucesso de seu site mas sim uma ferramenta de apoio.

Lembre-se o usuário não deseja um site lindo e maravilhoso, isso é consequência de seu acesso, o que ele deseja mesmo é um serviço direto e simples, sem pop-ups chatos de anuncios, sem obrigatoriedade de acessos em outros serviços, sem termos de compromissos gigantescos. Apenas simplicidade.

Isso te manterá vivo na web, te dando espaço para pensar em outras estratégias de divulgação do serviço. Lembre-se que divulgar seu trabalho nas redes sociais é legal também, use suas redes de amigos para divulgar seus serviços. Mas não espere uma chuva de acessos com isso, pois como disse são clientes sazonais e também devido as Redes Sociais serem muito dinamicas em poucos minutos eles não verão mais seu post de divulgação, então fique de olho, poste sempre novidades que façam link com seu serviço, mas cuidado, utilizando as redes sociais seus serviços ficarão vulneráveis a difamação ou reclamação coletiva que deverá ser tratado com máximo cuidado.

Com isso, sucesso em suas publicações e em caso de duvidas me procurem que auxiliarei com muito prazer.

Abraços galera.

Publicado no dia