Tableless

Busca Menu

E ano que vem?

Seja o primeiro a comentar por

Eu vou apostar minhas fichas em mobilidade, internet móvel e tudo quanto é coisa que seja pequena e não use fios para se conectar.

Consegui adquirir meu primeiro celular no meio deste ano. Consegui também uma conexão ilimitada de dados. Experiência interessante. Uso o Opera Mini para navegar e é uma maravilha.

Não, não dá para ficar horas lendo artigos e escrevendo emails pelo celular. É chato, é cansativo. Mas com um smartphone dá. A experiência é outra, as funcionalidades são outras, o público é outro. Com meu celular consigo quebrar aqueles galhos de última hora. Com Smartphone consigo ter uma experiência muito parecida com o desktop. Tenho uma tela maior, uso um browser melhor, tenho uma experiência visual melhor. A boa notícia é que essas características e outra mais só tendem a melhorar.

As características dos dispositivos móveis tendem a ficar cada vez mais parecidas com as de um desktop. Entretanto, o dispositivo sempre vai ser pequeno, se não for, vai perder seu objetivo de mobilidade. Já existem vários smartphones cuja experiência de navegação é fantástica, quase que não dá para sentir falta de facilidades existentes em desktops.
O legal é que todo mundo gosta de celular. Todo mundo gosta de trocar de celular. Todo mundo gosta de enviar fotos por mms, bluetooth ou até mesmo email. Não acho que o preço da internet móvel vá demorar para se tornar mais acessível. Hoje o preço é absurdo… mas lembre-se que dial-up também era. Hoje todo mundo tem banda larga. Até lá, as operadores querem sugar tudo que puderem. Nada mais normal por aqui.

Eu aposto nisso. Esse mercado tende a crescer muito. Empresas e mais empresas estão acordando o interesse para esse mercado. Vai ser divertido.

Publicado no dia