Conselhos de um simples programador

Aqui estão conselhos de um simples programador ou apenas algumas situações que vivenciei na minha vida. Você também vai passar por várias fases como programador, momentos de fazer gambiaras, pois tem etapas que vai querer fugir daquele projeto chato. Mas também vai viver momentos em que o código importará mais que qualquer resultado. Com certeza você também vai passar por várias situações difíceis, e possivelmente vai pensar em desistir da carreira.

por Tailo Gonsalves 19/02/2017 Comentários

Aqui estão conselhos de um simples programador ou apenas algumas situações que vivenciei na minha vida.

Você também vai passar por várias fases como programador, momentos de fazer gambiaras, pois tem etapas que vai querer fugir daquele projeto chato. Mas também vai viver momentos em que o código importará mais que qualquer resultado. Com certeza você também vai passar por várias situações difíceis, e possivelmente vai pensar em desistir da carreira. Mas lembre-se, esta fase vai passar.

Esta iniciando na programação? Vai com calma, não queira aprender tudo em um só dia, mantenha seu foco principal em aprimorar a sua lógica. No começo tudo é muito difícil, mas não desista, estude e persista. Aos poucos você vai gravando os comandos automaticamente e vai se preocupar com outras coisas. E se tiver com tempo para reinventar a roda, vai la, e constrói da sua forma, o aprendizado é enorme.

Em alguns momentos você vai se achar o melhor programador no planeta, após fazer uma função limpa e funcional. Em outros o pior, ao perceber que o seu colega, aquele logo ao seu lado, tem mais de 300 dias contribuídos ao ano no Github.

Não lhe desejo um colega programador chato, um designer, tester ou um usuário. Pois você será considerado o “estraga sonhos” e possivelmente vai irritar-se facilmente com a infinidade de pedidos. Mas lembre-se, se tudo der errado, apenas não deixe o sujeito abusar. E se você tornar um excelente programador, não banque o dono da verdade, um dia você também foi um sobrinho.

Se não conseguir fazer algo, por mais simples que pareça. Acredite, eu já fiz mais de 100 linhas em uma matriz, apenas por não conhecer um simples for. Seja compreensivo consigo mesmo e corra atrás. Valorize seu código e quando necessário discuta e critique pelo que é certo. Não tenha medo de perder seu emprego, geralmente a covardia levará fazer coisas erradas.

Sempre vai ter alguém melhor que você em algo, não tenha medo ou vergonha de perguntar, por mais que alguém ria, você acabou de evoluir, agora a sensação de conhecimento só diminuiu, com a infinidade de linguagens, frameworks, conceitos, estruturas e métodos existentes.

Com o aumento de opções, me sinto cada vez mais uma fraude. Sim, tenho a síndrome do impostor, você pode saber mais sobre aqui. Ainda não encontrei a fórmula para me livrar-me, mas espero que esse artigo indicado te ajude, assim como esta me ajudando.

E antes que me esqueça, vou lhe deixar o melhor conselho, aprenda a dizer “não”. Em algumas ocasiões não será possível, mas com certeza salvará sua vida, por mais odiado que seja por outras pessoas.