Tableless

Busca Menu

Convertidos de volta

Seja o primeiro a comentar por

Quem conhece o começo do Tableless.com.br, lembra dos “Convertidos do Tableless”. Os convertidos era uma área no Tableless onde eu reimplementava as homes de grandes sites utilizando HTML e CSS. Era uma época onde ninguém fazia websites sem tabelas, ninguém usava CSS direito e o HTML era feito “nas coxas”. Era uma época também que os desenvolvedores duvidavam da possibilidade de fazer websites apenas com CSS, posicionando e diagramando os elementos sem tabela. Por isso, tive a idéia de criar um movimento onde o objetivo não era dar tapas na cara, mas apenas aprender e ensinar. Mostrar que até mesmo websites que foram pensados para tabela, podiam ser feitos com CSS, sem grandes problemas e o mais interessante, compatível com a maioria dos browsers.

Os convertidos do Tableless não existe mais. Algumas empresas que tiveram seus sites convertidos, acharam que o Tableless estava copiando seus layouts e etc. Mandaram uma cartinha extrajudicial, fazendo com que tirássemos seus sites (convertidos) do ar. Bem, fizemos isso e para evitar outros problemas, retiramos toda essa seção do ar.

Hoje, os Convertidos antigos não iriam fazer muito sentido, já que atualmente todos os sites são “Tableless”. Entretanto, o código de muitos sites são feitos de uma maneira, vamos dizer assim, não adequada. Por isso, levantarei a questão aqui novamente, mas farei o seguinte: durante algum tempo, pegarei partes de grandes sites conhecidos, recodificarei de uma maneira que eu acho que seria a ideal, e publicarei aqui os resultados.

Deixo bem claro que isso não passa de um estudo. Publicarei aqui os resultados para dividir com vocês o conhecimento adquirido e também ouvir as opiniões de vocês leitores.
Se houver algum desenvolvedor que trabalha nas empresas que citarei daqui pra frente, por favor, pode entrar em contato comigo se preferir. Vamos conversar em como a Visie pode ajudar você a resolver problemas.

Você já pode ver o primeiro Convertido: Convertido – Menu (Livraria Cultura).

Publicado no dia