Uma forma simples de criar um bom hábito

O que é um hábito?

por Tailo Mateus Gonsalves 31/08/2017 Comentários ~ 3 min. / 440 palavras

Em algum momento você já fez alguma coisa e não lembrava como tinha feito? Já fez algum código, sem no mínimo pensar no que estava fazendo?

Vamos fazer uma simples análise, pensemos no ato de tirar um carro da garagem. No início essa tarefa exigia mais concentração, pois ela envolve em destrancar a porta do carro, entrar no carro, ajustar o banco e os retrovisores, inserir a chave na ignição, entre outros tantos processos.

No entanto, depois de um tempo de prática, você faz tudo isso sem ao menos nem pensar. Isso é o que chamamos de hábitos, eles existem porque nosso cérebro procura maneiras de poupar esforços e nossa massa cinzenta está livre para outros pensamentos.

O problema do nosso cérebro é que não sabe diferenciar um hábito ruim ou bom, está sempre esperando as recompensas. Por esse simples motivo, é tão difícil emagrecer ou parar de fumar. Quando recebemos um email criamos uma expectativa em visualiza-lo, por isso você vai encontrar muitos métodos de produtividade que focam em desativar notificações.

Essa imagem foi retirada do livro O poder dos hábitos e demonstra como funciona o loop do hábito.

Mas como crio um hábito bom?

Um hábito ruim com um padrão mensal, logo se torna um padrão mais frequente, conforme vamos recebendo mais recompensas. Não existe uma fórmula para remodelar todos os hábitos, mas os pesquisadores do MIT descobriram um padrão neurológico no cerne dos hábitos, consiste em três partes: uma deixa, uma rotina e uma recompensa.

Vamos a um exemplo, toda a tarde você come uma coxinha e toma um café. Digamos que esse hábito fez você ganhar alguns quilos. Você se sente bem e após uns minutos se sente mal, promete pra si mesmo que amanha vai parar, mas amanha é a mesma história. O primeiro passo é identificar a rotina, o ato de ir comer a coxinha e tomar o café, é o que você quer mudar. Segundo passo são as recompensas, é o que nos satisfaz, aqui deve avaliar se a vontade é da comida em si, ou outra coisa. E o terceiro passo é a deixa, o que esta levando você a sair para comer? Realmente é a fome? Ou o simples fato de poder relaxar um pouco?

Qualquer pessoa pode criar um hábito, estimule a fazer algo em troca de uma recompensa. Além disso, precisa acreditar que a mudança é possível.

Para ler mais textos sobre produtividade, hábitos, maneiras para viver melhor, entre outras coisas da vida, assine a minha newsletter, prometo que vou tentar lhe ajudar.

Saiba mais:

Livro: O poder do hábito

Ted: Uma forma simples de abandonar um mau hábito