<
Menu

Tableless


ie

Internet Explorer dos anos 90

iStock_000002124951Small

Ferramentas de diagnóstico

rtt

Performance front-end – Parte 1

firefox

10 anos de Firefox


Google Apps não suportará mais IE6

Deixar de suportar o IE6 é questão de sobrevivência. Não é capricho do desenvolvedor ou falta de vontade. Ou nivelamos por baixo a experiência do usuário, ou forçamos uma mudança de comportamento.

Recebi hoje um email do Google explicando que em 2010 eles irão deixar de suportar o IE6. Vitória!
Contar com o IE6 na cartilha de suporte é subutilizar o HTML5 e JavaScript. Aqui mesmo na Visie, temos projetos que o HTML5 e CSS3 seriam a resposta, mas ainda não podemos utilizar por causa do IE6, IE7 e em alguns casos o IE8.

Deixar de suportar o IE6 é questão de sobrevivência. E para matar o IE6, nós precisamos evoluir. Cabe a nós educar o usuário. Formar um mundo novo.

Abaixo segue o email recebido do Google.

Dear Google Apps admin,​

In order to continue to improve our products and deliver more sophisticated features and performance, we are harnessing some of the latest improvements in web browser technology. This includes faster JavaScript processing and new standards like HTML5. As a result, over the course of 2010, we will be phasing out support for Microsoft Internet Explorer 6.0 as well as other older browsers that are not supported by their own manufacturers.

We plan to begin phasing out support of these older browsers on the Google Docs suite and the Google Sites editor on March 1, 2010. After that point, certain functionality within these applications may have higher latency and may not work correctly in these older browsers. Later in 2010, we will start to phase out support for these browsers for Google Mail and Google Calendar.

Google Apps will continue to support Internet Explorer 7.0 and above, Firefox 3.0 and above, Google Chrome 4.0 and above, and Safari 3.0 and above.

Starting this week, users on these older browsers will see a message in Google Docs and the Google Sites editor explaining this change and asking them to upgrade their browser. We will also alert you again closer to March 1 to remind you of this change.

In 2009, the Google Apps team delivered more than 100 improvements to enhance your product experience. We are aiming to beat that in 2010 and continue to deliver the best and most innovative collaboration products for businesses.

Thank you for your continued support!

Sincerely,
The Google Apps team

Email preferences: You have received this mandatory email service announcement to update you about important changes to your Google Apps product or account.

Google Inc.
1600 Amphitheatre Parkway
Mountain View, CA 94043

Por Diego Eis

Diego Eis criou o Tableless para disseminar os padrões web no Brasil. Como consultor já treinou equipes de empresas como Nokia, Globo.com, Yahoo! e iG. É palestrante e empreendedor.

http://about.me/diegoeis/

Mais posts do autor

Comentários (21)

  • leandro

    Putz, só falta o orkut cortar definitivamente o acesso vindo de IE6.. Daí sim, o brasil vai pra frente! hehe

  • Jt

    Aleluia

  • http://www.mixd.com.br Plinio Theodoro

    Graças a Deus, não aguentava mais problemas com o IE 6.0

    Abraços!

  • http://tadeuluis.wordpress.com anestesya

    “Deixar de suportar o IE6 é questão de sobrevivência. E para matar o IE6, nós precisamos evoluir. Cabe a nós educar o usuário. Formar um mundo novo.”

    Realmente esse é o mesmo tipo de pensamento que eu tenho. Algumas pessoas acham que é egoísmo deixar de dar suporte ao IE6 para os seus sites. Porém não percebem que isso atraza o desenvolvimento de novas tecnologias como o HTML5 e o CSS3.
    Grandes empresas como Yahoo, FaceBook, Twitter, deveriam para de dar suporte ao IE6 ao seus principais serviços, isso, para forçar seus usuários a atualizarem seus navegadors. Eu vejo que muitos usuários não atualizam seus navegadores, por conseguirem navegar normalmente nos sites com seu navegador velho.

    Acho que é isso, passou da hora de dos web-devs começarem a forçar uma evolução, talvez, criando uma revolução :P , o_0 owww.

    abraço é isso ai fuiz!

  • http://www.mateussouza.com/ Mateus Souza

    Até que enfim! IE6 nem era pra existir mais!!!

  • Anderson Custódio

    Concordo plenamente: “Depende de nós educar os usuários”

    Muitos usuários estão por fora do que acontece na atualidade, muitos não querem nem saber se o navegador é X ou Y, se o que ele tem funciona para que trocar?

    Se há muito tempos tivéssemos coragem (você, eu, todos nós) de matar o IE6 isso não iria está acontecendo, todos iriam mudar.

    O novo Orkut foi um grande ponta pé inicial, um site que montei para cidade onde moro, o numero de usuários do IE caiu e muito, ficou a baixo do firefox, me parece que 99% dos que usava IE6 mudaram para o firefox, mesmo se fosse para o IE7 seria a se considerar, mas o que aconteceu foi melhor ainda.

    Devemos começar a ignorar o IE7 também, temos que limpar essa bagunça de browsers da microsoft, se o usuário quer usar o IEcá que seja o mais atual.

    E isso não se limita só a browsers, também a boas práticas de desenvolvimento, temos aquela história do target _brank, muitos acham que vão perder “Page views” se não usar em todos links externos, no final o usuário fica sem o direito de escolher como quer abrir suas páginas.

    Com todo respeito, os usuários tem que se adaptar a novas tecnologias e não os desenvolvedores ficar muito tempo com algo ultrapassado só para agradar.

    Somos nós os antenados com tudo o que acontece de novo, temos que mostra isto para os usuários, mostrar que o novo é ainda melhor para todos nós. :)

    (Se pareci arrogante me desculpe, não foi minha intenção ^^)

  • Ariê

    Acho que com os problemas que o ie 8 apresentaram de falhas de segurança acabou sendo bom.

    A mídia inteira divulgou que a frança e a alemanha estavam recomendando que as pessoas deixassem de usar o ie, com isso programas de tv como jornal nacional da globo divulgaram esta informação levando a muitos a opção de troca.

    Essas coisas melhoram nossas metas para o futuro pois conversar com um usuário antenado em tecnologia e internet não é a mesma coisa que conversar com um estudante de medicina, direito ou a sua tia de 40 anos ou sua irmã de 17.

    Essas notícias faz com que essas pessoas se informem e isso leva a outros navegadores, quero ver a proxima pesquisa de mercado da popularidade dos navegadores.

  • Anderson Custódio

    Sobre meu comentário acima não era 99% era 90% e mesmo assim eu tava exagerando, mas foi grande a quantidade =’)

  • http://www.twitter.com/gustavaum gustavo

    Sempre achei q esse fosse o correto!
    ainda em um post anterior que não lembro qual, teve alguns “master-codes” acomodados, se omitindo a esse papo de ie!
    achei um absurdo!

    grandes “pedreiros” da web, alguns se mostrando muito bom no serviço braçal!

  • http://www.tudopodre.com.br Psysapiens

    Amém
    XD

  • Acelio

    Eu também não suporto mais o IE6

    A Microsoft, em seus serviços on-line, também não dão suporte a ele. MSN, Hotmail, Livemail e outros, usam “coisas” que não funcionam nele. E não tem nenhum aviso explicando. Só deixam de funcionar.

    Quando fui baixar o Firefox 3.5(faz tempo né?), tinha um banner da Microsoft na página inicial da Mozilla. Banner este, quase pedindo “por favor” aos usuários que abandonassem o IE6 e trocassem pelo novíssimo IE8.

    Uma coisa legal dele(que eu não sabia antes) é que ele sempre suportou fontes de texto externas. Fui testar um site nele e o CSS font-face funcionou. O resto do site não, mas isto sim. :)

  • http://felipe.blog.br Felipe S. Gomes

    Eu acho que a Micro$oft deveria ser a primeira a promover o movimento de upgrade do IE6.

    Ao perder esta oportunidade a Micro$oft aumenta ainda mais a antipatia da comunidade de desenvolvedores web, já tão inconformada em ter vivido a era ie6.

    Será que para a MS só importa o desenvolvedor de frontpage?

  • http://marcos-paiva.com Marcos Paiva

    E tem gente que ainda duvida da existência de Deus rsrrsrs……

  • Marcio Toledo

    Até que enfim!!!

    O leandro tocou num ponto chave… se o orkut deixar de suportar o IE6, seria um avanço ainda melhor. Mas já é um grande começo.

  • Saulo B

    totalmente off mas porque o tableless não carrega o css aqui em casa?

  • Paulo Magno

    O problema nem tanto são os usuários pessoa física, que estes até gostam de atualizar.

    O problema são as empresas – e o TI de certas empregas enormes, que consideram os IE mais modernos mais arriscados, e demoram para homologá-los para seu uso.

    Por exemplo, a Eletrobrás, uma empresa pública com milhares de micros, ainda utiliza Windows XP com IE6. E consideram arriscado atualizar para outros mais modernos. Por conta própria um ou outro funcionário atualiza, subrepticiamente, para o IE8, mas isto não é visto com bons olhos. E, quando se reformata uma máquina, lá volta o IE6 de novo…

  • http://1l.to @firminoweb

    @leandro Não só o orkut como outros serviços populares como o Flickr e cia.

  • Lucas

    @Paulo Magno

    Como você comprova que a Eletrobráss usa Xp com IE6?

    Antes de sair questionando ou falando, apresente dados reais, que concerteza agregará mais valor ao seu comentário

  • http://www.mixd.com.br Fabricio Sahdo

    até que fim algum search fez algo de útil em relação aos browser’s

  • http://www.closets-planejados.com closet planejado

    IE6 nem era pra existir mais!!!
    Boa medida

  • http://www.achacarro.com.br Leandro – Achacarros

    Aprovo totalmente a iniciativa da Google, a Microsoft é uma gigante do desenvolvimento de softwares, mas as gafes cometidas em seus navegadores não podem ser ignoradas, graças a deus, que todo mundo está parando de usar o XP, o grande problema era que o IE6 já vinha com o XP.
    O uso do IE caiu muitos nos ultimos 18 meses, graças a DEUS!!!

    Belo artigo, Abraço!